sábado, 7 de maio de 2016

Após registrar confusão com fotógrafo do governador, segurança obriga jornalista de Jequié a apagar fotos

Manu Dias (camisa branca) se desentendeu com um manifestante/Fotos: Zenilton Meira
Durante a visita do governador Rui Costa à Jequié nesta sexta-feira (06), o fotógrafo oficial do governo da Bahia, Manu Dias teria se comportado de maneira deselegante e agressiva. Ele é acusado de tratar mal companheiros de imprensa e uma pessoa que estava acompanhando a visita do governador. Segundo o blog do Zenilton Meira, o profissional teria colocado o dedo na cara de uma pessoas que ele implicou, quando o mesmo chamou-o de mal educado, e foi contido pelo segurança da comitiva (fotos). Zenildo conta que ao registrar o ocorrido foi ameaçado também pelo colega de profissão, que teria dito “ Veja o que você vai fazer com essas fotos”, retrucou em tom agressivo. Zenildo ainda relata no seu blog que depois do ocorrido, o fotógrafo começou a orientar a segurança e apontar pessoas, no Centro de Cultura Antônio Carlos Magalhães (CCACM). "Ao registrar uma fotografia de um grupo de teatro, um segurança cismou com minha atitude e pediu para ver as fotos registradas, e a que apareceu, pediu para deletar. Lamentável esta situação, tomara que o superior da Secretaria de Comunicação do governo do estado da Bahia, tenha atenção para conter os ânimos de seus subordinados", disse o jornalista e fotógrafo conceituado na cidade de Jequié. 

0 comentários:

Postar um comentário