sexta-feira, 6 de maio de 2016

Documento pedindo instalação de uma unidade do DISEP em Ipiaú

“Sr.Governador do Estado da Bahia: A população de IPIAÚ, por meio deste documento, vem até Vossa Excelência para informar da URGENTE NECESSIDADE DA INSTALAÇÃO DO DISTRITO INTEGRADO DE SEGURANÇA PÚBLICA – DISEP, em nosso Município. Há muito, Ipiaú tem sofrido com as ocorrências violentas – especialmente em função do tráfico de drogas; cuja complexidade e números de ocorrências equipara-se com a vizinha cidade de Jequié - cuja população é quatro vezes maior. Ao lado disso, o nosso município é um centro econômico da região, composta por vários municípios (Barra do Rocha; Ubatã; Gongogi; Ibirapitanga; Ibirataia; Itagibá; e Dário Meira). Segundo o IBGE, no ano de 2015, a população de Ipiaú foi estimada em 47.501 habitantes. Paralelamente somam em número de habitantes, respectivamente: Barra do Rocha 6.424; Ubatã 27.051; Gongogi 8.082; Ibirapitanga 24.180; Ibirataia 17.947; Itagibá 15.767; e Dário Meira 12.022. Totalizando, portanto, uma população regional em torno de 158.974 habitantes em 2015.

Têm sido alarmantes os graves casos de violência que estampam os noticiários, mostrando a nossa Ipiaú como uma cidade que há muito reclama do Poder Público as providências que a situação de emergência requer. São evidentes as péssimas condições de estrutura física do prédio da Delegacia de Polícia de Ipiaú - que no passado se denominou de “complexo policial” - hoje um ambiente inóspito, totalmente insalubre à frequência, permanência e cárcere de pessoas. Construído em padrões inadequados, desprovido das condições mínimas necessárias ao funcionamento normal e digno de uma delegacia de polícia, o dito prédio há muito reclama a sua demolição. Agravando a situação supracitada, é patente a escassez de agentes policiais que lá trabalham, chegando ao ponto de não haver plantonistas: o que inviabiliza o atendimento eficaz da população. Ademais, ainda por falta de plantonistas, quando ocorrências de finais de semana envolvem flagrantes, estes precisam ser lavrados na Delegacia Regional de Jequié, que fica a mais de 50 km, o que, na prática, significa necessidade de deslocamento de viaturas e contingente para Jequié, piorando as condições já precárias da segurança pública de nossa cidade.

Não é demais lembrar à Vossa Excelência que, até o ano de 2004, Ipiaú sediou uma Delegacia Regional, que contava com um efetivo de aproximadamente 30 agentes, além de 5 delegados e seus respectivos escrivães. Até a presente data, não foi esclarecido o motivo da desativação da referida Delegacia. Desde junho/2015, após o elevado número de homicídios no período de janeiro a maio, a população está mobilizada, e tem debatido de forma permanente, junto à Câmara de Vereadores de Ipiaú, a questão da Segurança Pública, tendo sido formada uma Comissão com vereadores e pessoas do povo, para tratar diretamente do assunto. Solicitado da Polícia Civil as informações sobre a realidade enfrentada, pelo Dr. Ivan Lessa – Delegado Titular, foi informado que, por questão de interna corporis, em vez de informar à Comissão da Câmara, foi enviado à Coordenadoria Regional da 9ª. COORPIN - Ofício n.º 902/2015 do dia 06/11/2015, um relatório sobre realidade daquela DEPOL. Contudo, o relatório do Delegado não deve contraria o que a população conhece e vivencia no dia-a-dia: as péssimas condições em que a Polícia Civil opera em nossa cidade.

É de conhecimento público, que o Estado da Bahia está comprometido com a instalação de diversos DISEP(s), tal qual aconteceu no dia 07/04/2016 na cidade de Maraú. Com isso e diante das graves e violentas ocorrências em Ipiaú e região – especialmente em função do tráfico de drogas e homicídios, o Prefeito da cidade – Dr. Deraldino Alves Araújo, já se dispôs, e se comprometeu, a realizar a doação de um terreno com mais de 4.000m de extensão, no centro da cidade, localização excelente – conforme planta anexa, para que o Estado promova a construção do DISEP DE IPIAÚ. E, a sociedade, por meio das suas diversas representações que assinam o presente documento, bem assim as pessoas do povo, VEM REQUERER DE VOSSA EXCELÊNCIA, NO EXERCÍCIO DE TÃO RELEVANTE CARGO PÚBLICO E CONSCIENTE DO DEVER INSTITUCIONAL COM A SEGURANÇA PÚBLICA, QUE ACOLHA O JUSTO PLEITO DA INSTALAÇÃO DO DISEP DE IPIAÚ, E DETERMINE A SUA CONSTRUÇÃO”.

Assinam o documento o Presidente da Câmara,  vereador  Jean Kleber da Silva Cunha e o Procurador Jurídico do Município de Ipiaú, advogado Agnaldo Teixeira. Além de Jean estavam no encontro com Rui Costa os vereadores Margarete Chaves, Josenaldo de Jesus, Nasser Barros e Odair José. A próxima movimentação no sentido da instalação do DISEP será uma audiência com o próprio governador e o secretário estadual da Segurança Publica.(José Américo Castro/ ASCOM –Câmara de Ipiaú).

0 comentários:

Postar um comentário