sábado, 21 de maio de 2016

Fã é morto após invadir hotel em MG e tentar matar Ana Hickmann

Foto:Reprodução
Ana Hickmann sofreu uma tentativa de homicídio na tarde deste sábado (21), em um hotel em Belo Horizonte (MG). Um homem chamado Rodrigo Augusto de Pádua, de 30 anos, invadiu o quarto onde ela estava hospedada e tinha intenção de atirar na apresentadora, segundo informações da Polícia Militar. Ele se dizia fã de Hickmann. "Um fã teria se aproximado, atirado e uma assessora que não é parente da Ana Hickmann foi baleada, levada ao hospital Biocor e passa bem. Ana não foi atingida", informou o tenente da Polícia Militar de Belo Horizonte à repórter do "Brasil Urgente", da Band. De acordo com o Boletim de Ocorrência, o suspeito estava no corredor do 9º andar do hotel, abordou o cunhado de Ana Hickmann, Gustavo, e o levou até o quarto. O suposto fã fez a apresentadora, o cunhado e sua mulher, assessora de Ana de reféns e obrigou os três a se sentarem de costas para ele, informou o programa da Band. Em seguida, o indivíduo começou a destratar a vítima com palavras pejorativas e de baixo calão. O cunhado, Gustavo, levantou-se e foi em direção ao criminoso, Rodrigo, que efetuou dois disparos em direção da vítima, Ana Hickmann, informou o Boletim de Ocorrência. Um dos tirou atingiu Giovana Oliveira, assessora de Ana e mulher de Gustavo. Segundo o boletim, "as vítimas saíram correndo do apartamento, e Gustavo entrou em luta corporal, conseguindo desarmar o agressor". A assessora da artista passa por procedimento cirúrgico que deverá demorar cinco horas, segundo o programa "Cidade Alerta", da Record.

0 comentários:

Postar um comentário