segunda-feira, 2 de maio de 2016

WhatsApp sai do ar por 72 horas no Brasil por determinação da Justiça

O aplicativo WhatsApp está fora do ar no Brasil por determinação judicial. A decisão, de 26 de abril, é do juiz Marcel Montalvão, da comarca de Lagarto (SE). O bloqueio deve durar 72 horas. O bloqueio afeta também a instalação do aplicativo. Se o usuário tenta baixar e instalar o WhatsApp neste momento, não consegue fazer a verificação do número telefone, passo essencial na instalação. O app informa que não consegue se conectar com a internet. O processo que culminou na determinação de Montalvão é o mesmo que justificou, em março, a prisão de Diego Dzodan, vice-presidente do Facebook, empresa dona do app, para a América Latina. O magistrado quer que a companhia repasse informações sobre uma quadrilha interestadual de drogas para uma investigação da Polícia Federal, o que a companhia se nega a fazer. As cinco operadoras —TIM, Oi, Vivo, Claro e Nextel— já receberam a determinação e informaram que vão cumprir. Em caso de descumprimento, estarão sujeitas a multa diária de R$ 500 mil. Procurado, Montalvão não vai falar sobre o assunto. WhatsApp e Facebook ainda não se pronunciaram sobre o tema. Consultadas, as operadoras afirmam que irão cumprir a decisão e ainda estudam se vão entrar com recurso judicial para tentar derrubar o bloqueio. O Sinditelebrasil, associação que representa o setor, está acompanhando esse processo junto às teles e ainda não definiu de que forma o setor irá se posicionar. *As informações são da Folha de São Paulo

0 comentários:

Postar um comentário