quinta-feira, 23 de junho de 2016

Dançarino morto em Salvador teria sido confundido com traficante

"Nego Pom" morreu na tarde dessa quarta-feira. (Foto:Reprodução)
O dançarino e backing vocal da banda Guettho é Guettho, Marcos Vinícius Santos de Jesus, 32 anos, conhecido como Nego Pom, não resistiu aos ferimentos e morreu na tarde desta quarta-feira, 22, no Hospital do Subúrbio. A informação foi confirmada por médicos da unidade hospitalar aos familiares da vítima, por volta das 15h. O artista estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do hospital desde terça, 21, após ser apedrejado e baleado com cinco tiros na cabeça e em diversas partes do corpo, no bairro de Nova Constituinte. Diante das versões sobre o caso, o dançarino do Guettho é Guettho Ari Santos  afirmou ao A TARDE que Nego Pom não tinha envolvimento com o mundo do crime. Segundo ele, a vítima cortou caminho na localidade conhecida como Congo, para fazer a cobrança do cachê de um show realizado pela banda Hit Halls.Nego Pom teria sido confundido com um possível inimigo e atacado por traficantes que atuam no bairro. A vítima deixa a esposa Vaniele Andrade, 22 anos, e quatro filhos. O caso está sendo investigado pelo Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Nenhum suspeito foi preso até as 16h desta quarta. 

0 comentários:

Postar um comentário