quarta-feira, 27 de julho de 2016

60% dos municípios brasileiros estão acima ou no limite dos gastos permitidos

São milhares de prefeituras em apuros para pagar os salários dos funcionários públicos.
Chegou para milhares de prefeituras em todo o país a conta pela era dos gastos descontrolados. Uma ampla maioria de municípios brasileiros não tem como pagar as inchadas folhas de funcionários e nem sabe como conseguir dinheiro, segundo publicou o jornal O Globo. Para perceber o tamanho da crise do país, basta ver a situação dos municípios: 60% ou já estouraram ou estão para estourar o limite de gastos com pessoal permitido pela Lei de Responsabilidade Fiscal. São milhares de prefeituras em apuros para pagar os salários dos funcionários públicos, e os prefeitos têm motivo para estar pessimistas: com a queda na arrecadação do governo federal, o repasse do fundo de participação dos municípios, que é a única fonte de receita para a maioria deles, deve ser 13% menor que a previsão do início do ano. Essa é a ressaca depois de anos de gastos descontrolados com a folha de pagamento, que nos últimos 15 anos subiu no governo federal, nos estaduais e ainda mais nas administrações municipais. Para o diretor da FGV (Fundação Getúlio Vargas), uma das causas do gasto maior dos municípios é a lei. Segundo a Constituição de 1988, as cidades são obrigadas a prestar a maioria dos serviços públicos obrigatórios à população.

0 comentários:

Postar um comentário