quinta-feira, 14 de julho de 2016

Ipiaú: Obra da Coelba segue causando transtornos no centro da cidade

Obra da Rua José Ferreira Sobrinho já dura mais de 30 dias. (Foto:Giro em Ipiaú)
A obra da Coelba tocada pela empresa Macrofast vêm causando grandes transtornos em Ipiaú. Um dos exemplos está na Rua José Ferreira Sobrinho, centro da cidade. O local que servia de escoamento para o trânsito na praça do Cinquentenário e adjacências continua interditado há mais de um mês e gerou reclamações dos condutores de veículos. Mais adiante, na Rua Jaime Tanajura, o problema é semelhante. Os moradores vêm reclamando na demora em concluir os serviços iniciados há mais de 30 dias. Nossa reportagem ouviu na tarde dessa quinta-feira (14), o engenheiro responsável pela obra. Marcelo justificou a demora na conclusão dos serviços informando que vem enfrentando alguns problemas. Um deles seria a invasão da área isolada para a realização da obra. Segundo o engenheiro, as pessoas retiram o material que cerca a área e depois alguns condutores trafegavam normalmente nos locais. Isso, segundo ele, acaba destruído parte do trabalho já realizado. “Na véspera do São João, a gente deixou aqui (Rua José Sobrinho) em ponto de fazer o calçamento. Mas aí, as pessoas retiravam o cerquite (tela usada como cerca) e os carros passavam e estragaram o serviço que já tinha sido feito”, contou.
Moradores da Jaime Tanajura também reclamam da demora nos serviços. (Foto:Giro em Ipiaú)
O engenheiro ainda explicou que a empresa em comum acordo com a prefeitura suspendeu as atividades no período junino para não causar mais transtornos. A obra da Rua José Ferreira Sobrinho será concluída nos próximos dias, assim como na Jaime Tanajura que tem a previsão de início do calçamento para o próximo sábado (16). 

A obra
A Macrofast foi contratada pela Coelba em 2013 para construção e fornecimento de materiais para as obras da linha de distribuição subterrânea que ligará Usina do Funil à Ipiaú. O empreendimento possui 36,5 km de extensão. Após a conclusão dos serviços em Ipiaú, outra empresa deverá asfaltar a Avenida Getúlio Vargas. Esse foi um acordo feito entre a gestão do município e a Companhia Elétrica. A obra de transmissão de linha de alta tensão via subterrânea é a primeira na Bahia e terceira no Brasil. Em países desenvolvidos, essa forma de transmissão já é utilizada há algumas décadas. (Giro em Ipiaú)

0 comentários:

Postar um comentário