quinta-feira, 8 de setembro de 2016

Idosa de 126 anos vive em abrigo no sul da Bahia

Idosa de 126 anos foi deixada por filho em abrigo há 20 anos (Foto: Reprodução/ TV Bahia)
Aos 126 anos, dona Maria Gonçalves dos Santos é a moradora mais ilustre do Lar dos Idosos São José, em Medeiros Neto, município da região sul da Bahia. Nascida em Salinas, cidade de Minas Gerais, no dia 24 de junho de 1890, ela foi deixada no abrigo por um filho adotivo há 20 anos, e rapidamente conquistou os outros moradores e funcionários do local.A família de dona Maria agora é formada por pessoas como Ana Fernandes, do Lar dos Idosos, que se dedicam a cuidar da centenária. “Nós gostamos muito dela aqui. Eu tenho ela como uma irmã mesmo, tenho muito carinho por ela”, fala Ana. Sem andar há cerca de um ano, desde que perdeu a firmeza nas pernas, a idosa passa a maior parte do tempo deitada na cama. A memória e lucidez também foram se perdendo ao longo do tempo, mas de uma coisa ela nunca esquece: dá hora de comer. “Ela pede, ‘eu quero fruta’. Ela pede e a gente traz, descasca a laranja, ela chupa com a mão dela ainda, ela come a banana com a mão dela”, conta Vera Ferreira, cozinheira do Lar dos Idosos São José. Apesar de ser querida por todos, dona Maria só permite a aproximação de poucas pessoas, entre elas o Padre Leônidas, queridinho da anciã. “Ela passa uma mensagem para nós, de que ainda se pode se esperar muito [da vida], ainda podemos nos surpreender muito do milagre da vida e do milagre do ser humano”, refletiu o padre. *Informações do G1

0 comentários:

Postar um comentário