sexta-feira, 16 de setembro de 2016

Ipiaú: Comício com participação do governador termina com um morto e seis baleados

Foto:Giro Ipiaú
Uma pessoa morreu e outras seis ficaram feridas em um evento político realizado na noite dessa quinta-feira (16), em frente ao Ginásio de Esportes Clériston Andrade, em Ipiaú, com a presença do Governador Rui Costa. Os tiros foram disparados por um homem ainda não identificado que fugiu a pé. Segundo populares, ele teria se dirigido até Danilo Menezes de Souza e realizado os disparos. 
Danilo não resistiu e morreu no hospital (Foto:Giro Ipiaú)
Além de Danilo, outras seis pessoas foram atingidas. Ronaldo Pinto Andrade (baleado na virilha), Saionara Menezes de Souza (baleada em um dos dedos da mão), Joélio dos Santos (baleado no braço), Alexsandro (baleado no braço e na perna), um jovem identificado pelo prenome de Alan (baleado na perna) e Fábio dos Santos (baleado no pé).  Danilo morreu na madrugada dessa sexta-feira. Ele foi levado para o Hospital Prado Valadares, em Jequié, numa unidade avançada do Samu.
Mais três baleados foram encaminhados para Jequié (Foto:Giro Ipiaú)
Ronaldo, Joélio e Alessandro também foram encaminhados para a unidade hospitalar de Jequié para serem submetidos aos procedimentos cirúrgicos de retirada das balas. Segundo uma das vítimas contou ao GIRO, momentos antes dos tiros, teria ocorrido uma briga (veja o vídeo )
Atentado aconteceu em frente ao Ginásio de Esportes (Foto:Giro Ipiaú)
O tiroteio aconteceu durante o discurso da candidata a prefeita de Ipiaú, Maria das Graças (PP). No momento dos tiros, Rui Costa se preparava para deixar o palanque. Houve muita correria e confusão no local. A polícia já tem pistas do autor dos disparos e já apreendeu um menor suspeito de participação no crime.
Movimentação no HGI foi intensa na noite de quinta (Foto:Giro Ipiaú)
O governador comentou o caso, em entrevista ao radialista Celso Rommel, e prometeu reforçar a segurança até as eleições e quis atribuir o fato a um atentado político: ”É uma prática que a gente sempre imagina que já estava enterrada, a pior forma possível de se fazer política. Mas a resposta será dura, será firme. A partir de amanhã (16) vamos manter um pelotão especializado da caatinga em Ipiaú até o dia da eleição e um grupamento especializado da Polícia Civil para deixar claro que criminoso, seja da política ou do banditismo, não vai intimidar o estado de direito e nem a sociedade. Aqueles que querem se impor pelo medo terão a força e a mão do estado botando ordem, colocando presos aqueles que querem aterrorizar as famílias de Ipiaú”, disse. “Nós vamos com certeza pegar os responsáveis por isso”, acrescentou.
Governador participava de um comício quando foram disparados os tiros.
A polícia informou que o crime foi motivado por uma rixa entre o autor e a vítima, Danilo. Na manhã dessa sexta-feira (16) cinco suspeitos foram apresentados na delegacia. Um deles teria afirmado que a confusão ocorreu após uma "cotovelada" no percusso da passeata. (Giro Ipiaú)

1 comentários:

Cátia disse...

Isso é o que dá ficarem babando ovo de político, se estivesse em suas casas estavam resguardados, sei que a violência está em todos os lugares, os políticos estão rodeados de seguranças a eles não sobrou nenhuma bala perdida, não que eu queira isso pra ninguém!

Postar um comentário