segunda-feira, 12 de setembro de 2016

Ipiaú: Moradora do Aloísio Conrado denuncia envenenamento de gatos

Gatos estão sendo envenenados com frequência no bairro Aloísio Conrado 
Uma moradora do bairro Aloísio Conrado está denunciando um crime ambiental praticado com frequência na localidade, a morte de gatos por envenenamento. Segundo a denunciante, o último caso aconteceu na madrugada do dia 06 de setembro na Rua Noel Bonfim. Ela contou que despertou na madrugada com o barulho de um dos gatos “se batendo”. Ao sair no quintal percebeu que os outros felinos também estavam apresentando comportamentos estranhos.  “Vi todos eles morrendo, foi uma madrugada de terror pra mim, ainda tentei salva-los inutilmente”, disse a moradora que pediu para não ter o nome revelado temendo represálias. Ela afirma que na frente de sua residência foi encontrada uma vasilha com o veneno, pó de vidro e pedaços de peixe. Ao todo teriam sido envenenados 8 gatos, sete eram da denunciante.

Ela conta que costuma abrigar em sua residência os animais que são abandonados nas ruas. “Eu cuido de animais, eu amo essas criaturas; gatos, cachorros, cavalos... o que chega lá na minha casa e eu puder alimentar eu alimento”, disse a cuidadora. A mulher disse que procurou a delegacia do município, mas foi informada pelas autoridades que precisaria de testemunhas para levar o caso a frente. “As pessoas que sabem quem foi que praticou esse crime, temem denuncia-lo. Eu não tenho, mas as pessoas têm”, disse. Ainda segundo ela, existem outros relatos de mortes de gatos no bairro que seriam provocados por funcionários de uma fábrica de condimentos. “Os moradores já viram, mas têm medo de denunciar. Espero que haja justiça, que as autoridades investiguem as mortes desses animais e que os culpados paguem pelos crimes. O ser humano tem que aprender a ser amigo dos animais e não querer destruí-los”, finalizou a mulher em entrevista ao GIRO. O envenenamento de animais é crime previsto no artigo 32 da Lei de Crimes Ambientais (Lei Federal nº 9.605/98). O autor desse tipo de delito poder ser punido com detenção de três meses a um ano e multa. A pena é aumentada de um sexto a um terço se ocorre a morte do animal. *Giro Ipiaú 

0 comentários:

Postar um comentário