quinta-feira, 13 de outubro de 2016

Servidores da educação municipal paralisam as atividades em Gongogi

Servidores reivindicam pagamentos em atraso.
O município de Gongogi vem enfrentando uma grande crise nos serviços públicos municipais após a derrota da candidata do prefeito Sapão (PDT), professora Joana Angélica (PR), no dia 02 de outubro. Segundo informações publicadas no blog Ubaitaba Urgente, a educação está paralisada, pois os salários dos funcionários estão em atraso. De acordo com um vereador da cidade, a prefeitura está pagando os funcionários por etapa. “O prefeito Sapão está perseguindo os funcionários e pagando quem ele quer”, disse o vereador Betão do Sopão (PC do B). Revoltados com tudo isso, servidores resolveram protestar pelas ruas da cidade com o intuito de chamar a atenção da população. Só iremos voltar as nossas atividades normais no município após pagamento dos salários de todos os funcionários da Educação, disse Maria de Fátima, Coordenadora da APLB/Sindicato.

0 comentários:

Postar um comentário