sexta-feira, 14 de outubro de 2016

Governo não define mais os preços da Petrobras, diz ministro

Ministro disse que a Petrobras é quem determina os preços agora.
O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, comentou nesta sexta-feira (14) a redução dos preços da gasolina e do diesel nas refinarias, anunciada pela Petrobras, e disse que "agora" a estatal pode fixar seus preços independentemente do governo. "É uma decisão da Petrobras. O reajuste de gasolina e óleo diesel deixaram de ser definidos pelo Executivo, tendo em vista alguns objetivos de politica econômica. O importante agora é que a Petrobras fixa os seus preços", declarou Meirelles após participar de uma reunião com a presidente do Supremo Tribunal Federal. Meirelles disse ainda que "não há dúvida" de que a redução do preço nas refinarias vai ajudar a conter a inflação no país. Uma das críticas de opositores ao governo da ex-presidente Dilma Rousseff era de que, na gestão dela, o governo controlou os preços da Petrobras artificialmente, como uma tentativa de conter a inflação. Para os críticos da gestão Dilma, essa prática não só não conteve a alta da inflação como também prejudicou a estatal. Meirelles acrescentou que a Petrobras é uma empresa autônoma, e que adota características importantes da política econômica do presidente Michel Temer, que é "respeitar a realidade".

0 comentários:

Postar um comentário