quarta-feira, 26 de outubro de 2016

Ipiaú: Estudantes da UNEB protestam contra a PEC 241

Estudantes protestaram contra a PEC 241 (Foto:Vicente Andrade).
Dando continuidade à mobilização contra a Proposta de Emenda Constitucional-PEC- 241-, estudantes do Campus XXI da Universidade Estadual da Bahia (UNEB) saíram pelas ruas centrais de Ipiaú, na noite dessa terça-feira (25), protestando contra a PEC 241. O grupo compareceu à sessão ordinária da Câmara Municipal com o intuito de esclarecer a situação que vem motivando protestos da classe estudantil em todo o país e ao mesmo tempo pedir apoio aos vereadores para a luta que poderá se estender por mais dias. Ocupando a Tribuna Livre da Câmara, a estudante Paloma Alves informou que em assembléia geral convocada pelo Diretório Central dos Estudantes (DCE) e realizada no último dia 20, os estudantes do Campus XXI, decidiram aderir à greve a ser deflagrada no próximo dia 11 de novembro. Os vereadores presentes na sessão se pronunciaram em apoio aos estudantes.
Universitários compareceram à sessão da Câmara Municipal (Foto:Giro Ipiaú/Edir Pires).
A paralisação por tempo indeterminado vem sendo articulada pela União Nacional dos Estudantes (UNE). Mais de mil escolas já foram ocupadas e cerca de 50 universidades já estão paralisadas em todo o país em ato de protesto à PEC 241 que propõe criar um teto para os gastos públicos e congelar as despesas do Governo Federal, com cifras corrigidas pela inflação, por até 20 anos.  O plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira (25), em segundo turno, por 359 votos a 116 (e 2 abstenções), o texto-base da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 241. O texto, então, seguirá para análise no Senado, onde a expectativa é votar a proposta em 13 de dezembro. (Giro /José Américo Castro).

0 comentários:

Postar um comentário