sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Bradesco pode fechar agências nos próximos meses, anuncia presidente do banco

O Bradesco também poderá realizar medidas de economia.
Depois de anúncios do Banco do Brasil (clique aqui) e da Caixa Econômica Federal, o Bradesco também poderá realizar medidas de economia, como fechamento de agências e transferência para postos de atendimento menores nos próximos meses. A informação foi passada pelo presidente do banco, Luiz Carlos Trabuco, durante reunião com investidores em São Paulo. Segundo informações do jornal Folha de S. Paulo, o banco estava descartando a possibilidade de fechar agências após a sobreposição de unidades com o HSBC. Apesar de ter negociado a aquisição do braço brasileiro do banco inglês em agosto de 2015, o Bradesco só foi autorizado pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) a efetivar a aquisição e começar a fusão apenas em julho deste ano. "Existe uma certa sobreposição [de agências], mas o que vai decidir [o que será feito com as agências] serão os balancetes", afirmou Trabuco. A decisão vai depender do resultado de vendas de cada agência. O Bradesco atualmente tem 5.242 agências, considerando a rede de atendimento. 

1 comentários:

luiz carlos carlos disse...

os pobres abestados que apoiaram o golpe,ai tá as conseguencias,muitos ficaram sem receber o seu salários,porque sem banco é igual sem dinheiro...kkkkkkk fora temer o golpista

Postar um comentário