sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Ipiaú: Vítimas de boatos no whatsapp sobre Operação Melaço vão levar caso à justiça

Imagens de pessoas sem vinculo com a operação foram compartilhadas no aplicativo.
Desde a manhã da última quarta-feira (23) quando foi desencadeada em Ipiaú pela Polícia Federal a Operação Melaço (ver aqui) que visava prender suspeitos de fraudar o Seguro Desemprego e a Previdência Social, que usuários do whatsapp começaram a compartilhar imagens de pessoas inocentes como se fossem alvos da operação.  O GIRO conversou na manhã dessa sexta-feira (25) com uma das vítimas dos boatos, o servidor público Otávio Albernaz. Ele contou à nossa reportagem que já registrou um boletim de ocorrência na delegacia e que pretende acionar judicialmente os responsáveis pela divulgação e compartilhamento da falsa notícia. Além de Otávio, ao menos mais duas pessoas já registraram queixa no Complexo Policial e também irão levar o caso à justiça. Em Ipiaú foram presas quatros suspeitos de fazer parte do grupo criminoso; Antônio Whelliton Barbosa Bonfim (Tony Contador), Gean César da Silva (servidor público municipal), Juvanete Nascimento Souza (funcionária do SineBahia) e Alessandra Bispo dos Santos (moradora da Avenida São Salvador). Já em Ibirataia a PF prendeu os suspeitos Eric Santana Santos e Ismar Santos Tinoco. Os acusados estão presos no Conjunto Penal de Jequié (ver matéria). Conforme informou o Promotor Público Federal, Flávio Mathias, durante coletiva à imprensa, as investigações continuam e não é descartada a realização de uma nova fase. (Giro Ipiaú)

0 comentários:

Postar um comentário