segunda-feira, 7 de novembro de 2016

Jequié: Empresa terceirizada diz que prefeitura deve R$ 13 milhões

Estimativa de débito da empresa com os funcionários é de R$ 7 milhões.
A semana que começa revela ser de intensa mobilização por parte do grupo de trabalhadores prestadores de serviços através de terceirização para a Prefeitura de Jequié, contratados pela empresa Terceira Visão. Na última sexta-feira (4/11) trabalhadores, por convocação do Núcleo do Trabalhador do Observatório de Ação Social, participaram de uma nova rodada de negociação na sede da empresa Terceira Visão, para debaterem a questão do não recebimento dos valores que lhes são devidos. O proprietário da empresa, Luiz Mendes, esteve presente e afirmou em entrevista, ter um crédito a receber na Prefeitura de Jequié, no valor de R$ 13 milhões e, diante da inexistência de perspectiva de recebe-lo, irá denunciar a Prefeitura no Ministério Público Federal do Trabalho em Vitória da Conquista, no Ministério Público em Jequié e nos tribunais de Contas da União e dos Municípios, alegando o não cumprimento do contrato por parte do poder público municipal de Jequié. A estimativa do débito global com os trabalhadores é de R$ 7 milhões, sendo que os terceirizados em sua maioria se encaminham para o oitavo mês sem o recebimento dos salários. Os trabalhadores estão com as atividades paralisadas e também já ingressaram com ações na justiça trabalhista. Na terça-feira (8) tem agendadas audiências na sede do Ministério Público e na própria prefeitura. A mobilização deve ser ampliada no final da tarde para a Câmara Municipal,  onde será cobrado apoio e posicionamento dos vereadores em relação ao impasse. *Jequié Repórter

0 comentários:

Postar um comentário