quinta-feira, 15 de junho de 2017

Policial civil é morto a tiros em Salvador

 Luiz Santos de Jesus, 59, foi morto na entrada da Ladeira da Esperança (Foto: Reprodução)
O policial civil Luiz Santos de Jesus, 59 anos, foi assassinado na madrugada desta quinta-feira (15) na Rua Lima e Silva, bairro da Liberdade, em Salvador. De acordo com a Secretaria da Segurança Pública (SSP), o policial foi atingido quando entrava no seu veículo, nas proximidades da Ladeira da Esperança. Luiz era lotado na Delegacia de Repressão a Estelionato e Outras Fraudes (Dreof). Em nota, a SSP informou que a Força-Tarefa da SSP, que investiga a morte de policiais, "já tem informações sobre a autoria do crime". "Qualquer informação que possa levar a polícia à localização dos autores deste crime deve ser encaminhada através do Disque-Denúncia (71 3235-0000) ou das redes sociais na área privada (Twitter, Instagram e Facebook)", completa a nota. A polícia investiga a motivação do crime. Uma das hipóteses levantadas é a de latrocínio (roubo seguido de morte). 

O presidente do Sindicato dos Policiais Civil do Estado da Bahia (Sindpoc), Marcos Maurício, afirmou que o policial foi baleado com um tiro nas costas. "Ele tinha saído de uma festa com a esposa e um casal de amigos no seu carro - um HB20 - quando estavam trafegando pela avenida Lima e Silva foram abordados por três bandidos que estavam armados e parando os carros na rua. Todas as pessoas que estavam no carro desceram. Ele não reagiu. Tomaram a arma dele e deram um tiro nas costas. O estado da Bahia está de joelhos para a bandidagem. Falta pulso para combater o crime", disse Maurício. Luiz, que trabalhava na polícia desde 1988, é o quinto policial civil assassinado este ano, segundo o Sindpoc. *CORREIO

0 comentários:

Postar um comentário