terça-feira, 25 de julho de 2017

Brasil: MST invade fazenda de Ricardo Teixeira no Rio de Janeiro

O ato integra a Jornada Nacional de Luta pela Reforma Agrária.
Mais de 300 famílias ligadas ao Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) ocuparam a fazenda Santa Rosa, no município de Piraí, região sul do Rio de Janeiro, nesta terça-feira (25). A propriedade pertenceria ao ex-presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) Ricardo Teixeira. A informação sobre a ocupação do local foi divulgada pelo próprio MST. Segundo o movimento, a fazenda tem mais de 1.500 hectares de extensão. O ato integra a Jornada Nacional de Luta pela Reforma Agrária, organizada pelo MST, em que trabalhadores rurais têm como objetivo ocupar fazendas por todo o País que sejam ligadas a processos de corrupção ou a proprietários investigados. Propriedades da família do ministro da Agricultura, Blairo Maggi, e do ex-assessor do presidente Michel Temer, Coronel Lima, também foram invadidas. O movimento pede que as propriedades sejam destinadas a assentamentos de famílias sem terra. Teixeira é investigado por um esquema de corrupção envolvendo o desvio de receitas milionárias oriundas de jogos da seleção brasileira de futebol. 

0 comentários:

Postar um comentário