sexta-feira, 11 de agosto de 2017

Wagner nega candidatura ao governo do Estado em 2018

Essa trajetória não tem chance. Eu não sou candidato a governador", disse.
O ex-governador da Bahia e atual secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Jaques Wagner (PT), negou nesta quinta-feira (10) a possibilidade de disputar as eleições do ano que vem como governador, desbancando uma virtual candidatura à reeleição de Rui Costa (PT). “Essa trajetória não tem chance. Eu não sou candidato a governador. Acredito na naturalidade na política. Acho que a naturalidade da política é a reeleição de Rui. O mérito é dele”, assegurou o petista, ao falar sobre o assunto no programa Tête à Tête, conduzido pelo presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), Angelo Coronel (PSD). Coronel afirmou na quarta (9), em entrevista ao Bahia Notícias, que há um movimento pela volta de Jaques Wagner como governador baiano no próximo ano (veja aqui). O ex-chefe do Executivo baiano voltou a dizer que sua candidatura é para o Senado e pediu que não se crie “confusão” no grupo capitaneado por Rui. Já Coronel declarou que prefere Wagner comandando novamente o Palácio de Ondina, mas negou ter problemas na relação com Rui. Além disso, pregou a independência entre os poderes Legislativo e Executivo. “Não tenho nenhum problema com o governador Rui Costa, mas prefiro ser sincero aqui e externar minha opinião. Não vou permitir que o Legislativo seja um puxadinho do Palácio de Ondina ou do Centro Administrativo”, assinalou. 

0 comentários:

Postar um comentário