terça-feira, 19 de setembro de 2017

Mundo: Trump ameaça ‘destruir totalmente’ a Coreia do Norte

O presidente norte-americano, Donald Trump fala durante a 72ª Assembléia Geral da ONU.
Em seu discurso na Assembleia-Geral das Nações Unidas, em Nova York, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ameaçou “destruir totalmente” a Coreia do Norte. Segundo o líder americano, o “mundo todo” corre perigo diante do avanço do programa nuclear de Pyongyang. “Se os muitos justos não enfrentam os poucos perversos, então o mal triunfará”, disse Trump, que afirmou que seu país está pronto para o ataque, mas espera resolver o conflito com os norte-coreanos por meio da diplomacia. O americano pediu que países-membros da ONU aumentem a pressão para que Kim Jong-un abandone as armas nucleares, ao abordar a questão que considera ser seu principal desafio global. O presidente também agradeceu à China e à Rússia por ter votado a favor das sanções contra a Coreia do Norte no Conselho de Segurança da ONU, apesar de destacar que é preciso fazer “muito mais” contra as ameaças de Pyongyang. Em mais de 40 minutos de discurso, o líder americano também abordou a atual crise venezuelana e o grande acordo nuclear assinado com o Irã em 2015. Para Trump, o pacto “foi um dos piores já assinados” pelos Estados Unidos e é “uma vergonha para seu país”. O presidente ressaltou que pode abandonar o acordo se suspeitar que “proporciona uma brecha para uma eventual construção de um programa nuclear”.

0 comentários:

Postar um comentário