quinta-feira, 26 de outubro de 2017

Bahia: Idoso é preso suspeito de abusar sexualmente de menina de 7 anos

Pirulitos e materiais pornográficos com imagens de adolescentes foram apreendidos (Foto: Sulbahia News)
Um idoso de 65 anos, natural de Ipiaú, foi preso suspeito de abusar sexualmente de uma menina de 7 anos, na cidade de Teixeira de Freitas, extremo sul da Bahia. Ao G1, a delegada Kátia Guimarães, responsável pela Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam) da cidade, disse que Florisneto Miranda Santos teria passado a mão nas partes íntimas da criança após ter dado R$ 3 para ela comprar material escolar. O flagrante ocorreu na quinta-feira (26). "Ela até chegou a comprar uma borracha. Depois, ele passou a mão nela e tentou levar a criança para a casa dele, mas uma amiguinha dela, de 14 anos, contou que viu a situação e deu um murro e empurrou o senhor. Como ele caiu no chão, elas conseguiram fugir", contou a delegada. Segundo ela, a mãe da criança chamou a Polícia Militar, que fez diligências e encontrou o suspeito. 
Florisneto Miranda é natural de Ipiaú e reside em Teixeira de Freitas (Foto: Sulbahia News)
Na casa dele, no bairro Tancredo Neves, a polícia encontrou um pacote de pirulitos e DVDs pornográficos com jovens de 11 e 12 anos na capa. Em depoimento à polícia, Florisneto Miranda negou as acusações. "Ele alega que o DVD foi um ambulante que colocou na bolsa dele. E a respeito dos pirulitos ele disse que consome muito. Se não fosse a adolescente para defender a criança teria acontecido coisa pior", conta Kátia Guimarães. Ela informou que a jovem de 14 anos prestou depoimento nesta sexta-feira. A criança vítima do abuso já passou por exame de corpo de delito e prestou depoimento acompanhada da mãe, que também foi ouvida pela delegada. O suspeito também passou por exame de corpo de delito e está custodiado na 8ª Coorpin nesta sexta-feira (27). De acordo com o site Sulbahia News, Florisneto afirmou que é ex-policial do estado de Minas Gerais e que foi expulso da corporação por problemas com bebidas alcoólicas. 
*Com informações do G1

0 comentários:

Postar um comentário