terça-feira, 10 de outubro de 2017

Câmara analisa PPA do município de Ipiaú

O Projeto foi lido na sessão ordinária do último dia 14 de setembro (Foto: Arquivo/Giro)
Os vereadores da Câmara Municipal de  Ipiaú estão analisando o Projeto de Lei nº 010/20017 que dispõe sobre o Plano Plurianual (PPA) para o período de 2018 a 2021. O PPA é o principal instrumento de planejamento estratégico para a ação do Governo Municipal na implementação das políticas públicas, que serão materializadas em bens e serviços à população. O Projeto foi lido na sessão ordinária do último dia 14 de setembro e depois de tramitar nas comissões de Justiça e orçamento onde recebeu “Parecer Favorável”, está sendo submetido à votação do plenário. No PPA estão contidas as principais atividades da gestão para os próximos quatro anos. As metas  apresentadas traduzem as necessidades e demandas indicadas pela população durante reuniões e  audiências públicas promovidas pela Prefeitura.  
No PPA estão contidas as principais atividades da gestão para os próximos quatro anos.
O Plano Plurianual contempla não só as políticas prioritárias de saúde, saneamento e segurança pública, mas também aquelas voltadas para a assistência social, educação, cultura, esporte e lazer, habitação, gestão ambiental e infra-estrutura urbana, mobilidade e acessibilidade e desenvolvimento econômico. A estimativa é de que sejam aplicados até 2021 mais de R$ 376 milhões, dos quais R$ 88 milhões serão aplicados no primeiro ano do quadriênio, ou seja, em 2018. O custeio das realizações decorrerá das receitas corrente, tributárias, patrimonial, transferência de capital, serviços, contribuições, alienações de bens e outras.

Benefícios elencados
Dentre outros benefícios elencados estão a redução da mortalidade infantil;  implantação de uma rede de saúde da criança e da atenção à saúde da pessoa idosa; fortalecimento da rede municipal de urgência e emergência; aquisição de dois carros (caminhão) baú isotérmico para transportar a merenda escolar até as unidades de ensino;  modernização da cantina central da merenda escolar com equipamentos adequados; ampliar a cobertura das ofertas de assistência social; construção de unidades habitacionais populares, recuperação de praças, requalificação de espaços públicos, pavimentação de novas ruas, reforma e manutenção das estradas vicinais; implantação do Distrito Industrial e do Centro de Inovação Tecnológica, desenvolvimento da agroindústria, construção da fábrica de chocolates, implantação da Casa Rosa da Agricultura Familiar;  inserção e manutenção do município na rota do turismo, incentivo às festas populares e ao Festival do Chocolate, adequação do Horto Florestal como atrativo turístico,  potencializar a Fazenda do Povo como atrativo turístico, instalação do Museu do Lavrador na Fazenda do Povo, revitalização da Biblioteca Municipal, ampliação da fanfarra e coral municipal,  implantação e manutenção do Mercado de Artesanato, Arte e Cultura. 
*José Américo Castro/ASCOM-Câmara de Ipiaú 

0 comentários:

Postar um comentário