sábado, 14 de outubro de 2017

Central do Samu nega transporte e paciente é socorrido em 'carro do leite' para o HGI

Central Reguladora do Samu fica instalada na cidade de Jequié e atende aos chamados da região.
Um pedreiro de 61 anos de idade, morador da Rua Antônio José Marques Filho, com dificuldades em se locomover devido a suspeita de um trauma na  coluna, foi socorrido até o Hospital Geral de Ipiaú por um carro que transporta leite. O homem foi imobilizado por populares e colocado numa prancha de primeiros socorros, cedida pela PM, e encaminhado para a unidade hospitalar.  O caso ocorreu na noite dessa sexta-feira (13). De acordo com Cleber Gadita, vizinho do paciente, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), foi acionado através do 192, mas a central (instalada em Jequié), informou que o município de Ipiaú disponibilizava, no momento, apenas da Unidade Avançada, e, que essa, não é indicada para fazer o transporte de pacientes com casos semelhantes ao do pedreiro Edvaldo Souza Santos.

"Foi feito contato com o Samu, pela regulação de Jequié, e foi relatado que a Unidade Avançada que estava prestando serviço em Ipiaú não poderia fazer o socorro porque não era a unidade especializada para isso. Ai eu perguntei se não tinha outra ambulância para fazer o transporte, então o médico regulador me disse que não, pois a outra unidade estava quebrada numa oficina", relatou Cleber. Ao questionar o médico se na ausência da unidade básica, a Avançada não poderia realizar esse tipo de socorro, o profissional da saúde teria informado que os trâmites do Samu são de que cada unidade cumpra o seu papel". Após receber o atendimento médico no HGI e ficar em observação por mais de três horas, o paciente foi liberado e orientado a realizar novos exames.

A secretária de Saúde do Município de Ipiaú, Meirinha Alves, confirmou ao GIRO que a ambulância Básica do Samu está passando por reparos numa oficina. "A nossa unidade avançada estava em ocorrência e a básica na oficina. A básica está muito desgastada e sempre apresenta problemas mecânicos. O tempo de troca é de 5 anos e essa já tem 6. Sem manutenções preventivas desgasta ainda mais. Já foram muitas idas e vindas de oficina nesses 10 meses", comentou Meirinha. A secretária informou ainda que a unidade básica deve sair da oficina na próxima terça-feira (17).

No último dia 5 de outubro a prefeita Maria das Graças e a secretária de Saúde viajaram até São Paulo para receber do Governo Federal uma nova ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). De acordo com informações repassadas do Ministério da Saúde à prefeitura local, a liberação da nova unidade deve ocorrer na próxima semana. Na oportunidade, a prefeita comentou: "Encontramos os veículos da frota do SAMU em situação precária, e desde janeiro, realizamos reparos para que o Serviço Móvel de Urgência não pare. É mais uma vitória para a população", destacou a Chefe do Executivo Ipiauense. (Giro Ipiaú)

1 comentários:

Postar um comentário