segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

Coral Doce Vozes desponta como promessa de Ipiaú para a arte da Bahia

Coral Doces Vozes, do Complexo Integrado de Educação de Ipiaú.
A arte ipiauense continua em alta. Nesta crescente revela-se o Coral Doces Vozes, do Complexo Integrado de Educação de Ipiaú (CIEI). O grupo, formado em maio deste ano, envolve alunos com idade entre 16 e 18 anos, sob a coordenação da professora Léa Barreto e a regência do maestro Mesack, ministro de música da Igreja Batista Sete de Setembro. Foi ele quem harmonizou as vozes e definiu os naipes. Ao todo são 16 vozes, sendo 13 coristas e três solistas (Evelly Santos, Marina Lima e Luan Pereira), além dos músicos Arthur Giudice (violão), Ariel Montargil (cajon) e William Rodrigues ( contra- baixo). No elenco dos coristas estão os alunos Allef Santos, Gicelle Santos, Kassiane Santos, Carol Mendes, Ana Luíza Araújo, Lúcia Ferreira, Nérisson Lopes, Andreina Reis, Júlio Igléssias, Duda Passos, Laíza Santos, Débora Nascimento e Afonso Souza. O repertório traz MPB, axé, raízes africanas e forró.
Apresentação durante visita do governador Rui Costa.
Após uma série de ensaios semanais na “Estação do Saber”, o Coral Doces Vozes partiu para as apresentações que surpreenderam plateias e receberam aplausos até do governador Rui Costa e outras autoridades estaduais. A primeira apresentação foi no próprio CIEI, durante a 17ª edição do "Model'art. Em seguida o coral esteve no Campus 21 da Universidade Estadual da Bahia (UNEB), fazendo parte da  programação do “Novembro Negro". Também marcou presença no “TransformaÊ: Virada Educacional Bahia”, promovida pela Secretaria da Educação do Estado. Na etapa regional do ENCANTE ( Projetos Estruturantes da SEC), realizada em Jequié, o Doces Vozes faturou o primeiro lugar dentre os corais que ali se apresentaram. Agora se prepara para a fase final da competição, em Salvador. 
Léa Barreto e a solista Marina Lima.
Ainda neste mês de dezembro o coral ipiauense voltará  a Jequié para uma apresentação especial na inauguração local do projeto  “Escolas Culturais”. Foi durante a inauguração do mesmo projeto, em Ipiaú, que o governador Rui Costa, aplaudiu com entusiasmo a apresentação do coral do CIEI. Outras autoridades governamentais, a exemplo do secretário Walter Pinheiro, da Educação, repetiram o gesto e reconheceram que no Município Modelo a  cultura faz a diferença. É importante ressaltar a colaboração que a cantora Delma Pereira e o musico Rogério Barbosa, assim como o maestro Mesak estão dando voluntariamente ao Doces Vozes. “A eles nossa gratidão”, ressaltou a coordenadora Léa Barreto. (Giro/José Américo Castro).