terça-feira, 19 de dezembro de 2017

Taxista é morto com requintes de crueldade em Barreiras

Taxista foi morto com marteladas na cabeça I Foto: Reprodução
Um crime com requintes de crueldade tirou a vida do taxista José Airton da Silva, mais conhecido por Seninha. Ele foi encontrado morto na manhã desta segunda-feira (18/12) na zona Rural de Barreiras. Seninha estava desaparecido desde o último domingo (17),  a noite quando fez uma corrida para três homens, em um ponto em frente ao Centro de Abastecimento de Barreiras. Segundo informações, os três homens pegaram o táxi alegando que queriam ir para uma casa de show`s da cidade. Por volta das 2h da manhã a esposa do taxista ligou para o celular do marido e caiu em uma caixa postal, daí em diante um grupo de busca formado pelos próprios taxistas começou a vasculhar a cidade. O corpo foi localizado por um vaqueiro que passava pelo local. A polícia foi chamada e encontrou o corpo de Seninha machucado e com perfurações na cabeça. Ao lado do corpo havia uma caixa de ferramentas que deveria ser de uso do próprio taxista. O carro foi encontrado no bairro Vila Rica onde a polícia acredita que um terceiro suspeito do latrocínio esteja escondido. A polícia já conseguiu localizar os outros dois suspeitos do crime: Bruno da Santa Luzia e um homem que ainda não teve o nome divulgado, o qual seria fugitivo da cadeia da cidade de Barra. Todos estão detidos no complexo policial de Barreiras. *Com informações do blog Nova Fronteira

0 comentários:

Postar um comentário