quinta-feira, 22 de março de 2018

Porto Seguro: Polícia apura se grávida foi morta por vingança contra namorado dela

A morte da jovem Raisa Rodrigues Santos, de 19 anos, que estava grávida de oito meses, pode ter sido motivada por vingança. A hipótese é investigada pela Polícia Civil de Porto Seguro, onde o crime ocorreu, na última terça-feira (20). Segundo o G1, a suspeita é que o homicídio tenha sido cometido por vingança por um homem rival do namorado da vítima. Conforme o delegado Marcelo Paiva, a identidade do suspeito, que continua foragido, não será divulgada para não atrapalhar as investigações. Até o momento não foi informado o motivo de rivalidade entre o suspeito e o namorado da vítima. Raissa Santos não tinha passagens pela Polícia. De acordo com o avô dela, que registrou o crime na delegacia, a neta foi morta a tiros. Um homem a bordo de uma moto chegou na porta da casa da jovem e disparou contra ela. Raissa chegou a entrar na casa, mas foi atingida novamente no interior do imóvel. Levada ainda com vida para um hospital, a jovem veio a óbito por volta de 1h da terça.