sexta-feira, 9 de março de 2018

Uneb gasta mais de R$ 1 milhão em evento com políticos em Salvador

Evento patrocinado pela universidade reunirá Lula, Dilma e políticos de outros países.
A Universidade do Estado da Bahia (Uneb) gastou R$ 1,2 milhão para planejar, divulgar e operacionalizar o evento Fórum Social Mundial, que reunirá marchas e assembleias promovidas por baianos e pessoas de diferentes países, incluindo Lula, Dilma e o ex-presidente do Uruguai Pepe Mujica. Conforme publicação no Diário Oficial do Estado (DOE) desta quinta-feira (8), a empresa que vai faturar o montante é a Radar Gestão de Negócios e Marketing Promocional Ltda, que teve a dispensa na licitação. O evento começa dia 13 e vai até 17 de março, em Salvador. 

Em nota, a Uneb afirmou que os gastos para realização do Fórum Social Mundial são “provenientes de suplementação orçamentária do governo da Bahia, portanto sem impactos no seu orçamento”. Cabe a universidade a execução destes recursos para cumprimento das atividades estritamente relacionadas ao FSM. “É importante destacar também que a contratação através da modalidade de dispensa de licitação foi realizada após chamada pública, que contou com a participação de seis empresas. Todo o processo foi realizado dentro dos trâmites legais, a partir de consubstanciado parecer jurídico, e resguardou os princípios da transparência, lisura e responsabilidade na gestão dos recursos públicos”, diz um trecho da nota. 

A universidade ainda defendeu o evento. “O Fórum Social Mundial consiste em uma iniciativa de dimensão internacional, que envolve mais de oito mil organizações de todo o mundo, com o intuito de estimular debates na perspectiva de propor alternativas para uma transformação social global. Nesse sentido, a Uneb coaduna com a proposta do fórum e, ao fazer parte de sua organização, se mantem coerente com o seu compromisso social de ser uma universidade popular e inclusiva”, apontou.