terça-feira, 3 de abril de 2018

Bahia tem mais de 180 municípios em situação de emergência por causa da seca

Foto: Reprodução
A Bahia está, atualmente, com 184 municípios em situação de emergência por causa da seca, segundo dados da Superintendência de Proteção e Defesa Civil (Sudec). A quantidade de pessoas afetadas pela estiagem prolongada é de 3.935.352. O número de municípios em emergência corresponde a 44% do total de cidades do estado. A lista de locais afetados foi atualizada na última quinta-feira (29), quando o governo baiano decretou situação de emergência para 144 cidades. Entre os municípios incluídos na lista estão Abaré, Adustina, Anagé, Bom Jesus da Lapa, Brumado, Caetité, Campo Formoso, Conceição do Coité e Euclides da Cunha. A Bahia já vem de um período de seis anos de estiagem prolongada. O município de Feira de Santana, segundo maior do estado, está em emergência desde o ano de 2012. Ao todo, 622,639 pessoas são afetadas. Moradores da zona rural precisam do auxílio de carros-pipa para que possam encher as cisternas e ter água em casa. Terceira maior cidade do estado, Vitória da Conquista também está na mesma situação. A quantidade de pessoas afetadas pela estiagem no município é de 35.197. Ao decretarem situação de emergência, os municípios requerem auxílio complementar do estado e/ou da União para as ações de socorro e de recuperação em razão de situações como seca, estiagem ou desastres.