quinta-feira, 19 de abril de 2018

Mundo: Após 59 anos de era Castro, Cuba tem novo presidente

Raúl Castro e Miguel Diáz-Canel chegam para a sessão de quarta (18) da Assembleia em Havana.
A Assembleia Nacional de Cuba confirmou nesta quinta-feira (19) Miguel Díaz-Canel como o sucessor de Raúl Castro no comando da ilha. Ele recebeu 603 dos 604 votos possíveis na sessão que começou às 9h locais (10h de Brasília) e já é oficialmente o novo presidente do país.  Díaz-Canel foi indicado na quarta (18) para ocupar o cargo de presidente do Conselho de Estado, cargo que representa o chefe de Estado e de governo de Cuba. Ele será a primeira pessoa de fora da família Castro a comandar o país em quase 60 anos. Antes disso, era o primeiro vice-presidente do órgão.  Com isso, ele se tornou oficialmente o líder da ditadura cubana, embora na prática Raúl deva manter o poder, já que continuará no comando do Partido Comunista Cubano (até 2021) e das Forças Armadas —postos que de fato ditam a política na ilha. A expectativa, portanto, é que Díaz-Canel siga sob o comando do general.  Em seu discurso, o novo presidente disse que Raúl segue como líder da revolução e que pretende manter a continuidade do governo. *Com informações da FOLHA