quarta-feira, 2 de maio de 2018

Roberto Gondim reclama de cortes do governo federal no Bolsa Família

Roberto Gondim é ex-secretário de educação do município de Jequié.
O Ministério do Desenvolvimento Social - MDS desligou 392 mil famílias do programa Bolsa Família em abril, um mês antes do reajuste de 5,67% concedido a todos os beneficiários do programa e anunciado na rádio e na TV pelo Presidente Michel Temer no último dia 30 (segunda-feira). Em Jequié, comparando o mês de dezembro de 2017 com abril de 2018, um total de 813 famílias (5,5%) e 3.204 beneficiários (7,7%) perderam os benefícios, o que gerou uma redução mensal de R$ 179.000,00 no Programa. A redução pode impactar anualmente em quase R$ 2.100.000,00 na economia de Jequié em 2018, só com o Programa Bolsa Família. A faixa mais atingida foi a dos jovens que reduziram mais de 26,7%, saindo de 3.398 para 2.492. Para o Professor Roberto Gondim, “esse foi o segundo maior corte da história do Programa, todos os dois acontecido só na era Temer, demonstra a falta de compromisso desse governo com as pessoas que mais precisam. Os programas Bolsa Família e o BPC injetaram em 2017 na economia de Jequié quase R$ 140 milhões, gerando emprego e renda ao nosso povo” afirma Gondim.