quinta-feira, 5 de julho de 2018

Sem manutenção preventiva, moradores da zona rural de Ibirataia sofrem com estradas

Moradores da zona rural reclamam que prefeitura não realizou serviços de prevenção nas estradas vicinais.
(Fotos divulgadas por moradores)
Moradores da zona rural de Ibirataia estão reclamando da situação em que se encontram às estradas rurais do município. De acordo com relatos de moradores, as estradas estão intransitáveis, com muitas valetas, atoleiros, buracos, dificultando o acesso às estradas vicinais do município. “Apesar das chuvas que têm caído, não justifica a administração deixar as estradas numa situação de total abandono”, comentou um morador da região das Três Barras.
Outros que têm sofrido também com as condições das estradas são os estudantes. Nesta quarta-feira, um dos ônibus que faz o transporte dos alunos atolou e os estudantes tiveram que fazer o restante do percurso de volta para casa a pé. A maior indignação dos moradores da zona rural é que durante o período do verão, o cascalho que deveria ter sido usado nas estradas do município foi desviado para o município de Ibirapitanga.
Vale ressaltar que ao deixar a prefeitura, o ex-gestor Marcos Aurélio informou que deixava para a atual administração uma patrulha mecânica equipada com Patrol, Retroescavadeira, Caçambas, entre outros equipamentos que deveriam estar trabalhando em prol da zona rural. Nossa reportagem não conseguiu contato com a secretaria responsável.