Fazendeiros acusam índios por invasão de terras no sul da Bahia


Uma área situada entre os municípios de Buerarema, Ilhéus e Una, na região conhecida como Serra do Padeiro, no sul da Bahia, é alvo de disputa entre índios e fazendeiros. De acordo com a Fundação Nacional do Índio (Funai), indígenas estão ocupando fazendas que se encontram no interior da Terra Indígena Tupinambá de Olivença, que pertence aos índios Tupinambás. O Conselho Indigenista Missionário (Cimi) afirma que 300 indígenas Tupinambá participam das ações de ocupação das fazendas, que ficam em uma área de 47.376 hectares. Segundo o Cimi, entre os dias 2 e a terça-feira (13), 40 propriedades foram retomadas. O órgão conta que a área foi reconhecida pela Funai e que o processo estaria parado no Ministério da Justiça, o que teria motivado a ocupação das terras. A Polícia Federal está na região para investigar o caso, mas ainda não informou o número de propriedades que teriam sido invadidas por índios ou se houveram casos de agressão. As polícias militar e civil também trabalham nas investigações do caso.(G1/Bahia)