Coluna Social; conheça o perfil de Alice Oliveira


Perfil/Alice Oliveira
Alice Oliveira, 18 anos, natural de Ipiaú, 1,67 m, 64 Kg, filha de Marcelo Henrique e Rosangela Damaceno, libriana, torcedora do Flamengo e gente do bem, é destaque nesta coluna. Fazendo curso de pré-vestibular, no Expert, em Jequié, Alice busca ingressar na Faculdade de  Odontologia e se tornar uma grande profissional da área. Viajar mundo a fora é um sonho que sempre alimenta e pretende realizar. Garota trabalhadora e equilibrada, Alice Oliveira encontra no namorado Dunga, uma pessoa especial na sua vida e por isso divide com ele os bons momentos da sua juventude. Gentil e romântica, Alice tem grande poder de comunicação. As artes também marcam presença na sua existência , já que tem talento natural para esta área. Da literatura aprecia os romances de cunho espiritualista, enquanto na gastronomia suas preferências são para os frutos do mar. Alice Oliveira é assim, desse jeito, com sua beleza meiga e loira, na certeza de ser feliz.

Esperando Hugo
Carolina Azevedo Campos, seu marido Kleber Cardoso da Silva e a filha Maria Eduarda, formam uma família bonita e em crescimento. Eles estão na expectativa da chegada de Hugo, cujo nascimento está bem próximo. Quando setembro vier, com prenúncios da primavera, Hugo estará na área e Maria Eduarda que nesse sábado, 29, festejou 8 anos de vida, dividirá com ele o carinho dos pais, parentes e amigos. Vida longa para Hugo e toda a sua família.
Galera atenta e educada
Em momento sócio cultural a galerinha do Grupo 3, do ensino fundamental da Escola Ciranda das Letras,  assistiu com muita atenção a uma palestra sobre a vida do escritor Euclides Neto. O palestrante ficou admirado com o bom comportamento e inteligência da turma. 
Ricardo Tannus agradece
A equipe Ricardo Tannus vem, através do Giro, agradecer a população de Ipiaú por ter incentivado e prestigiado a realização da III Copa de Jiu-Jitsu. Bem organizado, o evento mostrou a excelente capacidade técnica dos atletas desta cidade e região”, Na nota de gratidão  a   equipe Ricardo Tannus destaca: “O osso muito obrigado às academias e aos colegas,aos empreendedores e amigos, por nos prestigiar e incentivar. Ficamos muito felizes com a participação de todos!!!
Ícaro na Toca da Raposa
A constelação do Cruzeiro de Belo Horizonte pode ganhar mais uma estrela. Se tudo der certo o garoto Ícaro Neris Santos, 13 anos, chega lá, com fé em Deus. O passaporte já está carimbado, as malas arrumadas e o momento aproxima-se.  Ele foi aprovado na avaliação que o clube mineiro fez com os meninos da Doce Mél, o que só veio a confirmar uma avaliação feita anteriormente pela equipe gaúcha do Fragata. Natural de Ipiaú, estudante da 7ª série no Colégio Antonio Imbassahy, em Japumirin, Ícaro é neto do técnico em máquinas de costuras e mecanografia, Nelson Ribeiro Santos e filho de Igor Silva Santos (funcionário do Hospital do Estado) e de Suelia Nascimento Neris. Nem o pai, nem o avó tem a veia futebolistica, mas a virtude de craque vem de um  tio-avó, o habilidoso Duda que fez história no Campeonato Intermunicipal atuando na ponta esquerda da fabulosa Seleção de Itapetinga, no inicio dos anos 70. Duda era arisco, driblador, porem Igor é clássico, magistral, meia-direita bem diferenciado. A trajetória de Ícaro começou na escolinha de Habilidoso, depois ele foi monitorado por Bobô, nos Craques do Futuro, ingressou na Doce Mel, saiu e foi para a franquia do Flamengo, de onde retornou para a Doce Mel que lhe mostrou ao Cruzeiro. Torcemos para que sua estrela brilhe na equipe azulina das alterosas e que sua competência seja reconhecida no Brasil e no mundo. Vai lá garoto, a Toca da Raposa te espera. 
“Nosoutros” 
O fotografo ipiauense Rogério Ferrari continua fazendo muito sucesso no Brasil e exterior. Agora ele se encontra em São Paulo onde apresenta, até o dia 11 de setembro, na Matilha Cultural a exposição “Nosoutros” que apresenta fotos em lambe-lambe e projeções audiovisuais, Nosoutros retrata seu olhar-ponte sobre os campos de refugiados palestinos em 2002 e 2008, relacionando-os com os bairros periféricos de Salvador, Bahia, em 2014. A exposição conta também com o trabalho audiovisual “Eloquência do sangue”, realizado a partir de fotos feitas na Palestina ocupada em 2002 e do som ambiente registrado neste período. As palavras do autor repercutem a força das imagens ao propor “que a arte assuma o lugar que lhe corresponde: o de aquecer a rebeldia”.
Dattebayo Festival
A segunda edição do Dattebayo Festival, acontece no próximo dia 6 de setembro (domingo), das 9 as 19:30h,  no Colégio Estadual Profª Celestina Bittencourt das 9:00 as 19:30hrs com muitas atividades e atrações, dentre as quais Concurso Mangaká (concurso de desenhos estilo mangá), Anivoice (competição musical), Anicine (sala especifica para exibição de filmes de anime), Arena Swordplay (nova modalidade esportiva onde os participantes poderão lutar usando espadas feitas com material reciclável) com presença de grupos da cidade de Jequié e Ipiaú, Torneio do mais novo game de dança, um fenômeno em todo o mundo. Just Dance, pela primeira vez no Dattebayo Festival, torneios nas plataformas X-Box 360 e Playstation 2; Sala freeplay (direito a jogar gratuitamente) e Concurso Cultural Cosplay 2015 onde o 1º colocado poderá levar para casa um XBOX-360. Os ingressos antecipados custam R$10,00 e mais 01Kg de alimento não perecível que deverá ser entregue no dia do evento. Os postos de venda dos ingressos estão estabelecidos nos seguintes locais: Livraria Doces Letras, Colégio Celestina (procurar Atila) e no Coal Supermercado, em Ibirataia. (Giro/José Américo Castro).