Expo Ipiaú oferece curso gratuito de piscicultura e vai doar 100 mil alevinos

As ações incluem palestra sobre piscicultura, distribuição de 100 mil alevinos de tambaqui e tilápia.
Os piscicultores de Ipiaú serão contemplados com uma série de atividades desenvolvidas pela Bahia Pesca, empresa vinculada à Secretaria da Agricultura do Estado (Seagri), durante a exposição agropecuária que acontece no município de quarta-feira a domingo (25 a 29). As ações incluem palestra sobre piscicultura, distribuição de 100 mil alevinos de tambaqui e tilápia, além de exposições de projetos. Aproximadamente 100 famílias serão beneficiadas. Nos dias da exposição, os visitantes podem conhecer, no estande da empresa montado no Parque de Exposições de Ipiaú, o ‘sistema bioflocos’. O método de produção permite que os produtores baianos, especialmente aqueles localizados no semiárido, possam ter ‘fazendas’ de peixes, mesmo em locais com baixo suprimento de água. O sistema permite que o produtor passe até seis meses sem precisar renovar a água de seus tanques. O estande fica aberto das 10 às 21 horas.

Na sexta (27), às 9 horas, acontece um curso de piscicultura, com aulas no auditório do Parque de Exposições sobre sistemas de criação, quantidade de água necessária, construção de tanques e viveiros, escolha de espécies, entre outros temas. Logo após o curso, ocorre a distribuição de 100 mil alevinos de tilápias e tambaquis para agricultores do município. “Os técnicos da Bahia Pesca orientarão os piscicultores sobre as melhores técnicas para aumentar a produtividade de seus projetos de piscicultura, a exemplo de técnicas de engorda e medição da qualidade da água. Além de doar os alevinos, a Bahia Pesca será responsável, também, por prestar toda a assistência técnica necessária para o sucesso da ação”, explica o presidente da Bahia Pesca, Dernival Oliveira Júnior.