Polícia recupera R$ 13 mil roubados de carro-forte em Feira de Santana

Suspeitos são naturais de Rondônia e utilizavam documentos falsos (Foto: Divulgação)
Uma operação realizada pela Coordenação de Operações Especiais (COE) da Polícia Civil desarticulou, na noite desta sexta-feira (12), uma quadrilha especializada em roubo a banco. Os assaltantes estavam escondidos na cidade de Feira de Santana. Cerca de R$ 13 mil foram recuperados com os criminosos,  que foram localizados e presos com o apoio da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos (DRFR) e das Rondas Especiais da Polícia Militar (Rondesp Leste). Kelson Lucas Damazio de Souza e Magnun Pereira da Silva, que não tiveram as idades divulgadas,  são naturais de Rondônia e utilizavam documentos falsos. Eles assumiram participação em um roubo a banco, na cidade de Alagoinhas, no dia 7 de janeiro deste ano. Kelson e Magnun e mais dois comparsas, identificados como Thiago Carneiro de Carvalho e Diogenes Teles Milcent Pereira), que trocaram tiros com os policiais e fugiram a pé, usaram maçaricos para cortar o cofre. Em dois veículos apreendidos com a quadrilha foram encontrados R$ 13 mil, algumas cédulas queimadas, celulares, entre outros materiais. "Mais uma demonstração de integração e força da polícia baiana. Foram duas ações exitosas com prisões e apreensões. Reduzimos os roubos a bancos em 2016 e 2017 e a pegada continuará firme este ano", avisou o secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa. "Unidade de excelência, com equipe preparada para investigar e agir com precisão. Parabéns a todos os envolvidos", enfatizou o secretário.