Porto Seguro: Sargento do exército e mais seis são presos com drogas sintéticas em hotel

Drogas foram apreendidas pela polícia civil. (Foto: Divulgação/PC)
Um sargento do Exército, um funcionário do Ministério da Saúde e cinco estudantes universitários foram presos na tarde desta segunda-feira (12), em um hotel na orla norte de Porto Seguro, sob a acusação de tráfico de droga. O titular da Delegacia do Turista, Rafael Zanini, informou que chegou ao grupo depois que uma hóspede procurou a polícia para denunciar que os suspeitos a haviam forçado a consumir êxtase, uma droga sintética. Com a devida autorização da direção do hotel, os policiais da delegacia especializada realizaram buscas e localizaram os suspeitos.
Sargento do Exército foi preso com mais seis amigos.
Em um dos apartamentos, foram encontrados 300 comprimidos de êxtase, 89 tubos de lança-perfume, 11 frascos de 500 ml de loló, além de pequena quantidade de LSD, cocaína e maconha. Moradores de Brasília, eles assumiram a propriedade das substâncias entorpecentes, mas negaram que estivessem traficando. Junto com o sargento do Exército, identificado como Luciano Simões de Siqueira Júnior, 32 anos, foram presos Gustavo de Santana Pelicano, 28; Leonardo de Oliveira Saraiva Lima, 34; Giuliano Loures Martins Lopes, 30; Francisco Edilson Rodrigues Souza Junior, 33; e Lucas Felipe Paschoal da Silva, 25.
"Acredito que esta droga seria vendida no próprio hotel e no circuito do carnaval. Por isso, todos foram autuados por tráfico", afirmou o delegado. O servidor público federal e os estudantes vão ficar custodiados na carceragem do Distrito Integrado de Segurança Pública em Porto Seguro. O sargento vai ser encaminhado para a unidade do Exército no município de Ilhéus. *Informações do Radar64