Funcionário de lan house é suspeito de usar dados de clientes para compras na internet

Rafael Silva trabalhava em lan house há oito anos (Foto: Polícia Civil/ Divulgação)
O funcionário de uma lan house que fica no bairro do Itaigara, em Salvador, foi preso, na manhã desta quinta-feira (1º), suspeito de usar dados de clientes do estabelecimento para fazer compras pela internet. De acordo com a Polícia Civil, investigações apontam que o suspeito, identificado como Rafael Meira da Silva, de idade não informada, tenha lesado, ao menos 150 clientes, e que os prejuízos das vítimas cheguem a R$ 500 mil. Ele trabalhava no estabelecimento há oito anos.  Rafael foi preso por agentes da 16ª Delegacia, na Pituba, e levado para audiência de custódia com um juiz, na qual ficará definido se ele permanecerá preso ou se vai responder ao processo em liberdade. Não há informações sobre o resultado da audiência.