Com só um interessado, Ebal é arrematada por R$ 15 milhões

A homologação do resultado deve acontecer nos próximos dias.
A Empresa Baiana de Alimentos (Ebal) foi arrebatada em leilão nesta quarta-feira (11) por R$ 15 milhões - única proposta feita, apresentada pela NGV Empreendimentos e Participações. Este foi o terceiro leilão realizado, sendo que os dois primeiros não atraíram nenhum participante. O leilão aconteceu na Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), no Centro Administrativo da Bahia. Segundo o presidente da Comissão Especial que conduziu o processo, e chefe de gabinete da SDE, Luiz Gonzaga, a empresa vencedora arremata a participação acionária da Ebal e os fundos de comércio das 49 lojas da Cesta do Povo, tendo direito também a explorar a marca Cesta do Povo e o Programa Credicesta. Uma das condições do leilão era a manutenção significativa dos postos de trabalho. A homologação do resultado deve acontecer nos próximos dias. A NGV tem sede em São Paulo e é comandada pelo investidor espanhol Ignacio Morales; ele se associou ao empresário de varejo baiano Joel Feldaman, que segundo o governo ficaria com a administração das lojas da rede. *Com informações do CORREIO