Eunápolis: Acusados de matar jovens em saída de boate já estão presos

sexta-feira, agosto 17, 2018
Suspeitos estão presos (Fotos: Divulgação/Polícia Civil)
A Polícia Civil anunciou, na tarde desta quinta-feira (16), que os dois acusados de participação no assassinato de Patrick Bispo e Yuri Shigeto já estão presos. Os jovens, de 20 e 21, foram mortos a tiros, há quase dois meses, na saída de uma casa de shows nas imediações do trevo de acesso aos bairros Urbis I e II, na zona sul da cidade. Lucas Darlan de Souza, 19 anos, o Pelúcia, foi detido pela manhã, no bairro Moisés Reis, em cumprimento a um mandado de prisão temporária expedido pela justiça.
Vítimas foram executadas ao deixarem boate em Eunápolis.
Segundo o delegado Bernardo Pacheco, Tiago Silva das Neves Novaes, 25 anos, já estava preso desde o dia 24 de julho, após ser flagrado pela Polícia Militar com um revólver. Ele também já estava com prisão decretada. Para o delegado, os indícios são de que o duplo homicídio foi motivado por uma briga entre facções rivais. "As investigações terão seguimento, a fim de localizar e prender os demais autores", afirmou Pacheco. Conforme o delegado, Lucas Darlan é envolvido com facção criminosa e já possui prisão por tráfico de droga e roubo. *As informações são do Radar 64