sexta-feira, 10 de agosto de 2018

Indústria baiana ganha fôlego e cresce 11,6% no mês de junho

Depois de sofrer uma queda de quase 15% em  maio, por conta da greve dos caminhoneiros, a indústria baiana respirou em junho. A produção do setor registrou um crescimento de 11,6% frente ao mês anterior. Na comparação com igual período do ano passado, a alta foi de 9% - o quarto maior crescimento entre as 15 áreas pesquisadas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e bem acima da média nacional (3,5%). De acordo com os dados da Pesquisa Industrial Mensal - Produção Física (PIM-PF) Regional, divulgados ontem pelo IBGE, com o resultado de junho a produção industrial baiana fechou o primeiro semestre do ano com uma variação positiva  de 0,4%, bem abaixo do desempenho nacional (2,3%) e o segundo menor crescimento entre os locais analisados. O crescimento de 9% na produção industrial da Bahia em junho passado, na comparação com junho de 2017, foi resultado de desempenhos positivos na indústria extrativa (0,7%) e, sobretudo, na indústria de transformação (9,5%). Leia mais no CORREIO