Morre detento espancado por colegas no presídio de Eunápolis

terça-feira, outubro 16, 2018
O detento espancado por mais de 30 companheiros de cela, no presídio de Eunápolis, não resistiu aos graves ferimentos e morreu por volta das 16h30 desta segunda-feira (15), pouco tempo depois de dar entrada no Hospital Luís Eduardo Magalhães, em Porto Seguro, com traumatismo craniano e outras lesões.

José Roberto Dias dos Santos, de 38 anos, o Bafafá, cumpria pena por suspeita de assassinatos. Ele foi agredido durante o banho de sol dos detentos alojados na ala do seguro, destinada aos presos ameaçados de morte.

Imagens do circuito interno de segurança vão ser usadas para identificar o grupo agressor. A Polícia Civil abriu uma investigação. Durante a tarde, agentes de disciplina do conjunto penal, com apoio da Polícia Militar, realizaram buscas em algumas celas.

Segundo a polícia, José Roberto já assassinou uma pessoa na cidade de Canavieiras. Em Teixeira de Freitas, ele também é acusado de matar dois detentos na delegacia e outro no presídio daquele município.

Ainda conforme a polícia, em 2014, no presídio de Eunápolis, Bafafá também matou um companheiro de cela e provocado lesão grave em outro.

A direção da Reviver, empresa que administra o presídio de Eunápolis, ainda não se manifestou sobre o crime.

*Conteúdo reproduzido do G1