11 ladrões de banco que agiam no Nordeste são mortos em Alagoas

sexta-feira, novembro 09, 2018
Há baianos entre os suspeitos mortos e o bando também agia na Bahia.
Onze suspeitos de assaltos a bancos foram mortos em uma operação da Polícia Civil em Santana do Ipanema, em Alagoas, na noite da quinta-feira (8). Eles estavam com grande quantidade de explosivos, armamento pesado e dinheiro roubado do Bradesco de Águas Belas, em Pernambuco, assaltado ontem pelo grupo. Os bandidos estavam escondidos em uma casa no sertão de Alagoas. O bando também agia na Bahia e há suspeita de que baianos estejam entre os mortos.

O delegado Fábio Costa afirmou em entrevista à TV Gazeta que entre os mortos na Operação Cavalo de Troia estavam três explosivistas. "Eles praticavam assaltos em diversos estados do Nordeste. Se juntavam e iam praticar assaltos na Bahia, em Sergipe, em Pernambuco. Temos imagens que comprovam que alguns deles praticaram assalto a um shopping em Campina Grande. Eram perigosos, viviam do crime, viviam de aterrorizar a vida de pessoas trabalhadoras", afirmou o delegado. 

De acordo com o delegado, o grupo foi flagrado na casa quando esperava a "poeira baixar" para fugir depois de assaltar o banco pernambucano. "A casa geralmente é utilizada para divisão do dinheiro e para esperar como eles chamam 'a poeira baixar'. (Eles) sabem que a polícia fica circulando, tentando localizar. Eles esperam chegar o anoitecer do próximo dia para poder se evadir do local. Conseguimos chegar antes desse momento e fazer o cerco", afirma. Segundo Costa, quando a voz de prisão foi dada, os bandidos reagiram e houve tiroteio. Todos os 11 foram baleados e morreram.