Jornalista José Américo foi eleito presidente do Conselho Municipal de Cultura de Ipiaú

segunda-feira, novembro 26, 2018
Em Assembleia Geral realizada na tarde de sábado, 24 de novembro, no Salão do Plenário da Câmara de Vereadores, foi eleita a primeira composição do Conselho Municipal de Política Cultural de Ipiaú. O órgão terá 16 membros titulares com igual número de suplentes, sendo oito membros representando o poder público e oito representando a sociedade civil. A assembleia foi conduzida pelo secretário de Educação e Cultura do Município, Alan Vitorino e pelo Diretor de Cultura, Marcelo Batista.
Democraticamente, os artistas e demais membros da sociedade civil elegeram seus representantes. Em seguida os conselheiros elegeram em votação secreta o presidente e o secretário do órgão colegiado paritário. O jornalista José Américo da Matta Castro, foi eleito Presidente com nove votos, contra quatro do advogado Manoel de Jesus e dois do jornalista Vicente Andrade. No posto de secretário, o servidor municipal Matheus saiu vitorioso com 10 votos, contra cinco do músico Marcio Barreto. 

Os conselheiros eleitos para a representação da sociedade civil são: Tadeu Ribeiro - produtores culturais; Antonio Lins Uzêda - artesanato; Marcel Hollenwerger - artes visuais; Vicente Andrade - audiovisual; Marcio Barreto - música; Carlos Henrique dos Santos - teatro e dança; Manoel de Jesus - cultura afro-brasileira e Ana Valeria Fink - literatura.

O Conselho Municipal de Cultura é uma das instituições obrigatórias para a composição do Sistema Municipal de Cultura, que por sua vez pode integrar o Sistema Nacional de Cultura, que é um regime de colaboração e participação entre os três entes federativos nacionais, bem como a sociedade civil, com o objetivo de promover o desenvolvimento humano, social e econômico. É através do SNC implantado nas outras esferas Estadual e Municipal que é possível realizar ações e transferir recursos de fundo a fundo para fomentar a cultura em cada município. O mandato dos conselheiros eleitos, bem como a mesa diretora, terá vigência de dois anos.

José Américo da Matta Castro, jornalista e escritor é um legítimo representante dos movimentos culturais da região, um dos criadores e incentivadores do pioneiro Coletivo Cultural, que, juntamente com o parte do grupo ora eleito, foram responsáveis pelas iniciativas das atividades culturais dos últimos anos em Ipiaú. Deste espaço, enviamos efusivos cumprimentos à gestão pública de Ipiaú e especiais votos de sucesso ao presidente eleito.