Ipiaú: Casa destruída por encosta na Irmã Dulce era habitada por casal e três crianças

segunda-feira, dezembro 10, 2018
Casa de taipa ficou destruída após encosta ceder no fundo do imóvel (Foto: Giro Ipiaú)
A casa destruída por um barranco na Avenida Jequitibá, bairro Vila Irmã Dulce, era habitada por um casal e três crianças (dois meninos de 9 anos e uma criança de 1 ano e seis meses). No momento do acidente, na casa de taipa não havia ninguém.
Encosta cedeu na Avenida Jequitibá, bairro Irmã Dulce (Foto: Giro Ipiaú)
"Eu estava no trabalho (na Polpa Eva) e minha mulher estava na casa de mainha com as crianças", contou Emerson Rodrigues dos Santos, de 32 anos. Ele disse ao GIRO que a única coisa que conseguiu aproveitar na casa foi a geladeira. Emerson disse ainda que pretende ficar por uns dias na casa de um parente. 
Equipe da secretaria de Assistência Social esteve presente no local prestando assistência (Foto: Giro Ipiaú).
Uma equipe da Secretaria de Assistência Social do Município de Ipiaú esteve no local prestando assistência às famílias que foram afetadas diretamente pelas chuvas, realizando a remoção de móveis e oferecendo abrigo provisório em um galpão.
Outras casas correm risco de serem atingidas por encosta na Av. Jequitibá (Foto: Giro Ipiaú)
Além da casa de Emerson, outro imóvel fabricado de taipa também foi destruído pelo barranco na quinta-feira passada. No dia seguinte, uma equipe do Social alertou Emerson e outros moradores sobre o risco de desmoronamento, no entanto, os moradores resistiram à orientação e decidiram permanecer no local. Nessa segunda-feira, 10, novamente, outras famílias foram alertadas. (Giro Ipiaú)