Hospital Geral Prado Valadares realizou cerca de 100 mil atendimentos entre maio e novembro

segunda-feira, dezembro 17, 2018
Prado Valadares se tornou o maior hospital do interior da Bahia (Foto: Divulgação)
Reforçar a capacidade do maior hospital do interior da Bahia, que atende a 28 municípios da região sudoeste do estado, cobrindo mais de 600 mil baianos. Este foi o resultado do investimento de R$ 38 milhões na ampliação do Hospital Geral Prado Valadares, no município de Jequié, inaugurada em maio deste ano. A unidade passou a contar com novas especialidades e a unidade de neurocirurgia foi reativada. De maio a novembro, o Prado Valadares realizou cerca de 100 mil atendimentos. O número de exames impressiona - foram cerca de 118 mil realizações, entre raios X, laboratório, eco, entre outros.
De acordo com o superintendente de Atenção Integral à Saúde (Sais), da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), Jassicon Queiróz, desde a inauguração, o único investimento significativo realizado na unidade havia sido a implantação do Centro de Imagem com equipamentos de diagnóstico de última geração, até que em maio deste ano foi inaugurado o Novo Prado Valadares. “Maior hospital do interior da Bahia, o Prado Valadares tem uma abrangência que atende 28 municípios e o impacto é significativo em que trouxe resolutividade regional. Hoje os pacientes em diversas especialidades não precisam mais se deslocar a Salvador para serem atendidos ou para fazer uma cirurgia de tumor, por exemplo”. Queiroz informa que o investimento feito praticamente duplicou o número de leitos e destaca o ganho de 29 leitos de cuidados intensivos. “Hoje o hospital consegue resolver o problema do paciente sem precisar viajar para Salvador. E haverá mais investimentos na unidade como o serviço de Pediatria e outros serviços de apoio.

Segundo a diretora-médica do HGPV, em relação ao ano passado, o número de atendimentos ambulatoriais atual, 15.033, é um aumento de 500% em relação a 2017, quando foram realizados 3.120 procedimentos. Na mesma proporção, 500%, foi o aumento do número nas emergências pediátricas, que subiu de 2.451 para 12.182, de 2017 para 2018. No mesmo período, o número de cirurgias saltou de 1.384 para 3.752, um aumento de 272%. Ela informa que atualmente estão sendo implantados os serviços de otorrinolaparoscopia, colonoscopia, cirurgias urológicas, broncoscopia, entre outros. 

Construído anexo ao hospital, na rua São Cristóvão, centro da cidade, o novo prédio de 6 mil metros quadrados dobrou também o tamanho da área construída para o HGPV. Agora são 276 leitos, seis consultórios, quatro enfermarias e seis salas de cirurgias para atender toda a região. Foram adquiridos aparelhos de ultrassonografia fixa e móvel, endoscópio, eletroencefalograma, ARCO C (Raio x), ventiladores pulmonares, carro de anestesia, desfibriladores, monitores cardíacos, sistema de osmose reversa para hemodiálise e bisturi elétrico. No pronto socorro, as alas são divididas de acordo com a classificação de risco.

O HGPV oferece emergência médica de alta e média complexidade 24h e atende nas especialidades de Clínica Médica, Pediatria, Cirurgia Geral, Psiquiatria, Neurocirurgia, Bucomaxilo, Traumato-Ortopedia, UTI adulto, Traumato-Ortopedia, além de Bioimagem. A ampliação garante o aumento na oferta dos serviços endoscopia digestiva, colonoscopia, colangiopancreatografia retrógrada endoscópica, eletroencefalograma, ultrassonografia com doppler, ecocardiograma, além de cirurgias eletivas, mais leitos de UTI e semi-intensiva. 

Morador de Jequié, Joselito José Santos elogiou o novo equipamento. “Hoje a gente consegue fazer os exames com rapidez. Antes demorava para conseguir marcar. Melhorou muito”. A dona de casa Edelzuíta Souza aprovou o equipamento. “A gente percebe a melhora da qualidade nos atendimentos, na estrutura, os funcionários atendem muito bem, estão todos de parabéns”. 

Além do atendimento aos pacientes, o HGPV serve de campo de estágio para alunos da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb), Faculdade de Tecnologia e Ciência (FTC) e quatro escolas técnicas, e ainda de internato de Medicina. 

UPA
Outro grande investimento no Governo do Estado na saúde de Jequié foi a implantação da Unidade de Pronto Atendimento (UPA Tipo I) Eunice Jesus Leal Almeida (Dona Dite), um investimento de R$ 3 milhões. A unidade possui sala de emergência, salas de observação adulto e pediátrica, quarto de isolamento adulto, posto de enfermagem, sala de eletrocardiograma (ECG) e de raio-x, além de dois consultórios. De outubro de 2017 a novembro deste ano foram realizados 60 mil atendimentos médicos, 63 mil atendimentos de outros profissionais e 105 mil exames e procedimentos.