Vereadores da base da prefeita aguardam na frente da Câmara por convocação de sessão extraordinária

sexta-feira, dezembro 28, 2018
Vereadores da base da Prefeita se posicionam na frente da Câmara (Foto: Giro Ipiaú)
Desde às 10h dessa sexta-feira, 28, os vereadores da base da prefeita, estão em frente ao prédio da Câmara Municipal, reivindicando que a vereadora Simone Coutinho - presidente da Câmara, possa convocar uma sessão extraordinária para a votação de um Pedido Especial de Crédito de mais de R$ 7 milhões para que o executivo municipal possa construir duas creches (no valor de R$ 2,3 milhões cada) e mais R$ 3 milhões em investimentos na área da saúde. O prazo para a votação se expira até às 17h dessa sexta-feira, 28, quando ainda a prefeita ainda pode sancionar e publicar no Diário Oficial do Município. 
Vereador Cláudio Nascimento criticou postura da presidente da Câmara e colegas da oposição.
O vereador Cláudio Nascimento criticou a postura da presidente da Câmara. "Eu não acredito que a vereadora Simone Coutinho queira ficar marcada nessa cidade como a vereadora que fez Ipiaú perder duas creches e que fez Ipiaú perder 3 milhões e 100 mil reais na área da saúde, eu não acredito que ela queira carregar essa marca pra o resto da vida, e o povo de Ipiaú não esquecerá isso", argumentou Cláudio. Os vereadores Orlando Santos, Cláudio, Robson, Naciel Ramos, Jô da AABB e o ex-presidente Carlinhos aguardam a convocação da sessão e pretendem permanecer no local até às 17h. 

"Pra mim é decepcionante como ex-presidente, sabendo que uma convocação de uma prefeita é de praxe, é lei, é obrigatório o presidente da Câmara fazer a convocação. Isso prova que é uma perseguição, isso prova que tem alguém por trás impedindo que a prefeita trabalhe", comentou Carlinhos. Para o vereador Naciel Ramos a não convocação para a sessão extraordinária é uma irresponsabilidade da presidência do legislativo municipal: "Na verdade é uma atitude irresponsável, é uma atitude que demonstra falta de compromisso pelo povo de Ipiaú. Se essa sessão não acontecer quem vai sair perdendo com isso é o município, será um prejuízo irreparável", disse Naciel. Até a postagem dessa matéria, a vereadora Simone ainda não tinha se pronunciado sobre situação. A Câmara está em recesso desde o último dia 15 de dezembro. Simone assumiu a presidência do legislativo municipal após a desistência de Carlinhos. (Giro Ipiaú)