Laudo reprova teste de dengue do SUS fornecido por laboratório baiano

sexta-feira, fevereiro 08, 2019
O Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde (INCQS) reprovou testes rápidos para diagnóstico de dengue, zika e chikungunya que haviam sido comprados pelo Ministério da Saúde e estavam em uso nos Estados. Após queixas de Minas, São Paulo, Rio, Acre e Goiás, lotes foram enviados para análise. O resultado apontou baixa sensibilidade dos lotes, o que indica risco de o paciente com a doença ser considerado saudável. Na Bahia, os casos de dengue cresceram 134%. A cidade de Feira de Santana vive surto e já detectou um caso de morte por dengue hemorrágica. Alguns municípios estão em alerta. Em Salvador, os números reduziram, mas seis bairros nobres têm alto risco de infestação. *Com informações do CORREIO