Prefeito de Aiquara sinaliza que vai renunciar ao cargo

quarta-feira, fevereiro 27, 2019
Tam já teria informado a decisão a pessoas próximas (Foto: Giro Ipiaú)
O prefeito de Aiquara Jositan Pimentel, conhecido popularmente como Tam, de 54 anos, tem sinalizado a pessoas próximas o desejo de renunciar o cargo. A informação já circula no meio político aiquarense desde o ano passado. Na manhã dessa quarta-feira, 27, em contato com o radialista Amarelinho (FM Ipiaú), o prefeito teria afirmado ao comunicador a decisão. Procurado por nossa reportagem, Tam disse que irá se pronunciar sobre a renúncia no momento certo. "Logo após eu ter os documentos, a gente conversa", afirmou. Caso se confirme a renúncia, o vice Delmar deve comandar a prefeitura nos meses restantes do mandato.

Jositan é empresário no ramo de sorveteria e se candidatou ao cargo de chefe do executivo municipal aiquarense na última eleição e venceu com 1.213 votos, numa disputa acirrada contra outros dois candidatos a prefeito. Esse início de ano, o gestor tem enfrentado uma batalha com os servidores da educação que o acusam que não querer discutir com a classe o reajuste salarial com base no Piso Nacional.

Tam também já exerceu o cargo de vereador em Ibirataia (1997 a 2000) e Ipiaú (2004 a 2008). Em uma conversa amigos ele já teria afirmado: "Política nunca mais". Esse seria o segundo caso, em menos de 60 dias, da desistência de um prefeito na região. Em dezembro, o então prefeito de Manoel Vitorino, no sudoeste da Bahia, Heleno Vilar (PSD) anunciou a sua renúncia (ver aqui). "Deus tirou a política do meu coração", disse Heleno ao Giro na época. (Giro Ipiaú)