STJ determina internação do médium João de Deus

sexta-feira, março 22, 2019
O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Nefi Cordeiro, ordenou nesta quinta-feira (21) a internação do médium João de Deus. De acordo com a decisão, o médium ficaria hospitalizado inicialmente por quatro semanas no Instituto de Neurologia de Goiânia. A decisão atende a pedido da defesa de João de Deus, que está preso há mais de três meses. Ele é réu em processos de abuso sexual de mulheres que o procuravam para tratamento espiritual, mas sempre negou os crimes.

Segundo os advogados do médium, ele tem quadro de aneurisma da aorta abdominal, com alto risco de ruptura, “sendo necessário o controle adequado da pressão arterial". Ainda de acordo com a defesa, a unidade prisional onde ele está não tem a quantidade de médicos necessária para acompanhar todos os presos. João de Deus ainda estaria recebendo medicação “inapropriada”. João de Deus está preso desde o dia 16 de dezembro de 2018, quando se entregou à Polícia Civil. Ele está detido no Núcleo de Custódia de Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana da capital.