Mirabela apresenta a professores Sitio Arqueológico encontrado no município de Itagibá

terça-feira, abril 09, 2019
Técnicos da Mineradora Mirabela se reuniram, na tarde desta segunda-feira, com professores da rede municipal de ensino de Itagibá. No encontro foi apresentado o Sítio Arqueológico Bela Vista, que fica na Serra da TV, próximo à área da empresa. A primeira reunião aconteceu no auditório da Secretaria Municipal de Educação. Quarenta professores participaram da conversa. O sítio foi descoberto, dentro da Fazenda Mirabela, onde existem fragmentos da Mata Atlântica, quando começaram os trabalhos de implantação da mineradora na região. Foram encontrados mais de 667 objetos, que pertenciam aos povos que viveram na região nos períodos pré e pós-colonial. Entre os materiais encontrados estão ferramentas confeccionadas, por índios, com pedra lascada, como pontas de lanças, machado e martelos. Pedaços de louça portuguesa, cerâmica, vidros, metais e telhas, utilizados por pessoas que viveram no local. Todo este material está guardado, atualmente, no Centro de Referência em Patrimônio e Pesquisa, o ACERVO em Porto Seguro. 

De acordo dom Ricardo Coelho, Analista de Comunicação da Mirabela, o material foi levado para Porto Seguro, porque o Acervo é o local mais próximo, licenciado pelo IPHAN, Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, para este tipo de registro histórico. “É possível trazer o acervo pra Itagibá, desde que exista um local autorizado pelo Iphan, que funcione como o museu, por exemplo, para que os objetos sejam expostos, e alunos e moradores da cidade tenham acesso”, explicou Ricardo em resposta ao questionamento de uma professora.

Os Secretários de Meio Ambiente e Agricultura, Lucas Cerqueira e de Educação Patrícia Miranda participaram do encontro, que foi o primeiro passo para levar as informações aos alunos da rede municipal, como pede o Ministério Público Federal. “Esse é um grande resgate pra Itagibá. Um registro vivo da história do município e é importante que os nossos estudantes tenham acesso as estas informações”, explicou Patrícia Miranda, secretária de Educação. Hoje o encontro será realizado na Escola Antônio Imbassahy no distrito de Japumerim.